Kindle mais caro

Preços em reais dos modelos Kindle em maio/junho de 2022. Fonte: Amazon Brasil.

Já faz um bom tempo que, no Brasil, comprar um e-reader é sinônimo de comprar um Kindle. A crise nos levou o Kobo e o Lev, disponíveis para venda no país na maior parte da década passada. Sozinho no mercado, o modelo de entrada, que podia ser encontrado em promoções, por até R$ 199,00, agora raramente sai por menos R$ 400,00, aumento maior que o dobro em menos de três anos. É fato que mesmo a versão mais simples do Kindle, agora possui oito gigas de memória, suficientes para abrigar com folga a mais de dois mil títulos de livros, e retroiluminação, o que garante boas leituras em qualquer ambiente. Ainda assim, a variação de preços é notável. E, num país de iletrados, quanto pior for o acesso à leitura, pior será a desigualdade social e a proliferação de desiformação.

Ainda com esse preço, é interessante adquirir um aparelho desses? A avaliação deste site é que sim! Mesmo custando mais que no passado, ou talvez a mesma coisa, se considerarmos a relação real / dolar, bem desfavorável para a nossa moeda, que perdeu muito do seu valor de compra nos últimos anos, o Kindle de entrada agora ainda custa um pouco menos que custava em 2018 um Kindle Paperwhite, mas possui até um pouco mais de recursos que o mesmo, uma vez que agora tem os tais oito gigas de memória de armazenamento, contra os quatro gigas do modelo da época. De certa forma, esse Kindle simples novo é uma “reencarnação” daquele modelo, e com alguns benefícios. Na prática, a Amazon melhorou a qualidade de seus modelos, criando dos novos Papewhites, um com oito gigas, a prova d’água e recursos similares ao Kindle Oasis (controle de temperatura de tela, tela de vidro de 6.8 polegadas, contra 6 dos modelos anteriores, iluminação e definição maiores etc) outro que, além desses recursos, conta com 32 gigas de espaço e carregamento por indução. Esses novos modelos também são mais caros, como mostra a figura, sendo o “Paperwhite Signature” muito proximo em recursos do aparelho premium da linha, o Kindle Oasis.

O modelo Oasis, topo de linha, teve a versão de oito gigas descontinuada no Brasil (ainda disponível nos EUA), restando apenas a opção de 32 gigas, que também sofreu aumento de preços, custando agora R$ 1349,00, custo que acaba sendo maior, pois não acompanha a indispensável capa (funciona como liga/desliga dos aparelhos em todos os modelos). É bastante provável que tenhamos até o fim do ano ou ano que vem, alguma novidade na linha kindle, especialmente no modelo topo de linha.

Falamos sobre Kindles. www.amazon.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: